http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/1483511.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/5328002.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/9543243.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/2672794.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/5706125.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/5637346.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/6213337.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/6028008.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/9125619.jpg
Home
Português (Brasil)English (United Kingdom)
Navio Cruzeiro traz 2500 turistas a Cabo Verde
Qua, 12 de Novembro de 2014 10:55   
Navio Cruzeiro traz 2500 turistas a Cabo VerdeO Navio Cruzeiro Mein Shiff 3 trouxe a Cabo Verde (Ilhas de São Vicente e Santiago) 2500 turistas que parecem ter ficado encantados com a beleza da ilha de Santiago, tocados com a simpatia dos crioulos e até satisfeitos com os serviços prestados. No entanto, o director-Geral do Turismo, Emanuel Almeida, reconhece que é preciso uma rápida organização deste nicho de turismo – garante no entanto, que passos importantes já estão a ser ultimados.
 
“Mein Shiiff”- termo alemão que significa "meu navio" - atracou em São Vicente este Domingo, 09. Dos 2500 turistas a bordo, 1143 compraram excursões para visitar a ilha, fora as centenas que visitaram a Cidade do Mindelo de forma autónoma, garante a agência Vikings. À ilha de Santiago o Navio chegou esta Segunda-Feira, 10. Cerca de 1000 turistas saíram em excursões ao interior da ilha (principalmente Tarrafal e Cidade Velha) para além das centenas que visitaram por conta própria a Cidade da Praia.

Um enorme potencial para Cabo Verde e que já se está a mostrar que é um nicho no qual temos cartas a dar. A prova disto é a crescente demanda que já se verifica. No entanto, falta tirar melhor proveito para que os cabo-verdianos não fiquem literalmente a ver navios.

O director Geral do Turismo, Emanuel Almeida, reconhece que ainda não estamos totalmente preparados, principalmente quando se trata de grandes navios como o Mein Shiff 3. Garante, por isso, que o país já se está a preparar-se: “vamos apresentar até o final deste mês a Lei Operacional sobre o Turismo de Cruzeiros ao Conselho de Ministros para aprovação”. Outro importante diploma que, segundo Almeida, já está pronto e que será brevemente socializado é o Plano Estratégico para o Desenvolvimento do Turismo de Cruzeiros. Falta porém elaborar o Plano de Acção.

Questionado quanto aos aspectos que precisam ser melhorados, é claro: “Falta organização para o melhor aproveitamento do potencial trazido pelos turistas que demandam Cabo Verde”. É preciso, segundo o director do Turismo “uma oferta mais organizada, estruturada e mais atractiva”. Ainda em falta está uma melhor aposta na animação e um maior reforço da segurança”. Em resumo: “Uma maior articulação entre todos os actores que lidam com esta vertente do Turismo”. A própria agência que organiza as excursões reclama da falta de responsabilidade, profissionalismo e organização dos condutores e guias, “mesmo após a confirmação na véspera”.

Entretanto, os turistas com que o Asemanaonline falou, têm opiniões positivas quando questionados sobre os aspectos menos bons e que gostariam de ver melhorados - mostram-se maravilhados e satisfeitos com estas belas ilhas do Atlântico, desvalorizam o menos positivo e falam sim da beleza e simpatia de Cabo Verde e dos Cabo-verdianos. Adoraram a ilha de Santiago, dizem que é uma ilha muito bonita, verde, contrariamente a São Vicente que é mais árido. Interessante mas que não nos deve servir de desculpa para não melhorar as coisas. Até porque para Cabo Verde manter-se de forma sustentável neste nicho, temos que apostar na qualidade e alcançar ou aproximar-mos do nível dos nossos concorrentes directos que já levam anos de experiência.

Mein Shiff 3 custou 360 milhões de euros, começou a operar em meados de Julho deste ano e pertence à TUI Cruises. Opera principalmente no mercado alemão. Mede 294 metros e tem 1253 camarotes, para albergar um máximo de 2500 passageiros, servidos por 1000 tripulante. Segue agora satisfeito para as Ilhas Canárias.
 
Fonte: A Semana 
 

Contactos

Tel:  +238 251 9200

Fax: +238 251 1615

info@sdtibm.cv

Comunicações SDTIBM