http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/1483511.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/5328002.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/9543243.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/2672794.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/5706125.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/5637346.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/6213337.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/6028008.jpg http://sdtibm.cv/components/com_gk2_photoslide/images/thumbm/9125619.jpg
Home
Português (Brasil)English (United Kingdom)
PM diz que Maio é prioridade para transporte inter-ilhas
Qui, 30 de Maio de 2013 10:09   

O Primeiro-Ministro José Maria Neves garantiu esta quarta-feira, 29, que a ilha do Maio passou a ser a prioridade para a resolução do problema dos transportes marítimos inter-ilhas. Para isso, dá conta que o Governo está numa corrida contra o tempo para mobilizar os recursos necessários para a remodelação do porto actual ou para a construção de um novo porto capaz de tirar a ilha definitivamente do isolamento.

“Estamos a examinar os constrangimentos que ainda existem, nomeadamente no que diz respeito aos transportes marítimos inter-ilhas. A nossa prioridade é a ilha do Maio porque é a ilha que está com mais constrangimentos a nível do transporte inter-ilhas. Estamos a mobilizar financiamentos para a construção de um novo porto ou adaptação do porto actual”, afirma o Chefe do Governo, avançando que o orçamento para estes projectos ultrapassa um milhão de contos.

“As reivindicações dos maienses são legítimas. Por isso, temos de acelerar esse processo, mas infelizmente não depende só de Cabo Verde porque temos de mobilizar os recursos que não temos neste momento no país”, assume José Maria Neves, afirmando que isso será feito num curto prazo e que a solução será o país continuar a endividar-se.

Neste sentido, não deixa de "mandar umas bocas" ao MpD: “As pessoas que estão a exigir um porto para a ilha do Maio são as mesmas que dizem não ao endividamento. Por isso, temos de recentrar o nosso discurso e o debate nas questões essenciais”.

“Cabo Verde ainda precisa de algumas infra-estruturas e temos de falar no plano internacional a uma só voz para exercermos uma diplomacia económica e assim mobilizarmos os recursos necessários para a sua construção: o Porto do Maio, a expansão do aeroporto da Praia, ao Parque tecnológico”, disse José Maria Neves, avançando que não tem na agenda a procura de recursos no Japão, porque o Governo já está a trabalhar na mobilização de outras instituições internacionais.

E uma dessas instituições deverá ser o BAD, uma vez que a Ministra das Finanças e do Planeamento, Cristina Duarte, está em Marrocos a participar na Assembleia do Banco Africano de Desenvolvimento, um encontro que este ano vai discutir as transformações estruturais em África.

Fonte: A Semana

 

Contactos

Tel:  +238 251 9200

Fax: +238 251 1615

info@sdtibm.cv

Comunicações SDTIBM